Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Agosto, 2010

"Rota do Mineiro"

Desta vez, resolvi convidar uns amigos e respectivas famílias para um dia diferente de Btt. Enquanto nós, betêtistas, nos divertíamos nos trilhos, os nossos familiares confraternizavam no complexo da Praia Fluvial de Janeiro de Baixo. Assim, eu, AC, o Carlos Sales, o Nuno Eusébio e o Pedro Barroca, saímos de Castelo Branco pelas 07h00, o restante pessoal saíu cerca das 10h00, carregadas com as respectivas merendas, para a tarde de convívio que se seguiria. Já quase pelas 09h00, saímos nós de Janeiro de Baixo, uma hora mais tarde que a inicialmente prevista, rumo aos trilhos. Passámos a Ponte sobre o Rio Zêzere e seguímos por asfalto até ao Urgeiro, a meia encosta da Serra dos Chães. A seguir ao Urgeiro, entrámos então nos trilhos, bem sombreados, pedalando num dos bonitos vales da Ribeira de Bogas. Passámos Bogas de Baixo e encostámos à ribeira que seguímos durante algum tempo, até nos desviarmos sobre a esquerda, sempre em subida pela Lomba do Antão, descendo seguidamente para mais um dos …

"Martim Branco - Aldeia de Xisto"

Hoje, na companhia do Pedro Barroca, resolvi revisitar a bonita Aldeia de Xisto de Martim Branco. Saímos da Pires Marques pouco depois das 08h e rumámos à Pedra da Légua, onde virámos à esquerda agora em direcção às Qtas de Valverde, por trilhos já sobejamente conhecidos. Chegados ao Freixial do Campo, a primeira aldeia da nossa rota de hoje, parámos no já fechado Café Amazonas para tomar uma bebida fresca. O dono, sempre que por alí se encontra, abre o ex- estabelecimento, para servir a rapaziada, pois mantém o café apenas para familiares e alguns amigos. Depois de algum tempo de conversa animada, voltámos aos trilhos, descendo a adrenalínica descida para o Vale Sando, seguindo-se uma estafante subida, com três secções de parede, onde a avózinha "rangeu" durante algum tempo até chegarmos ao alto da subida do Barbaído, também ela a fazer "inchar o peito" quando por alí passo com a asfáltica. Seguiu-se uma secção de estradão poeirento, para seguidamente, em nova viragem …

Capacetes há muitos . . .

. . . mas este!!!


"Manhã descontraída"

Hoje, na companhia doi amigo Carlos Sales, fui dar uma volta descontraída de btt. O calor ainda aperta e pedalar de forma calma ajuda-nos a perceber o que se passa à nossa volta e o contacto com a natureza é mais vivo e envolvente. Com o principal acesso ao Cabeço da Barreira impedido com portões e aramadas, rodeámos o arraial e a barragem para aceder-mos aos trilhos que tinha planeado. Rumámos à Taberna Seca, não tanto assim, pois alí parámos para beber uma bebida fresca e eu tomei ainda a minha dose matinal de cafeína. Pela cumeada pelalámos em direcção ao Vale do Ocreza e cruzámo-lo para entrar-mos seguidamente em Vilares de Baixo. Por ali deambulámos em trilhos diversificados e com passagem nos Pereiros, descemos de novo ao Rio, onde efectuámos nova paragem para desfrutar aquele local inóspito e que eu realmente gosto, apesar de sofrer sempre bastante para dalí saír. Agora em direcção ao Palvarinho, passámos ao lado da aldeia, optando pela passagem em Salgueiro do Campo, onde parámos p…

"ExtraWheel"

Agora que a idade já vai pesando e os bons cicloturistas já vão escasseando (agora já tudo é ciclista), talvez comece a pensar nesta outra vertente . . . quem sabe!!!

"Lentiscais"

O dia hoje amanheceu a dar indícios da "calinada" que se avizinhava. E esta, lá pelo meio da manhã já queimava quanto baste, fazendo-me suar a estopinhas. Pouco depois das 08h, na companhia do António Sanches, fui dar uma voltinha calma e descontraída de btt, escolhendo os Lentiscais, como local onde iríamos tomar a dose matinal de cafeína. Rumámos ao Monte de S. Martinho e qual a minha surpresa, ao deparar com o Monte com novas aramadas e placas de aviso de Gado Bravo. Não é que não simpatize com estes bichinhos, mas o facto é que com eles já tive umas "cenas", um pouco caricatas e que não gostaria nada de repetir. Por isso . . . optei, assim como o meu companheiro de pedaladas, por procurarmos alternativa, contornando aquele local. Passámos a lixeira, neste altura do ano com um "fedor" quase insuportável (isto hoje não estava nada a correr bem!!!) e descemos para o Monte do Chaveiro, onde deparámos com os caminhos todos passados à lâmina da niveladora, crian…

"Convívio no Vale do Souto"

Mais um ano estive presente no já famoso convívio no Vale do Souto, onde decorreu a festa do harmónio e da concertina "Harmonvaso". A malta do bttfaz já parte da festa que todos os anos se realiza naquela pacata aldeia. Por convite, reúnem-se umas poucas dezenas de amigos, sob a batutra do meu irmão Luís, que prepara toda a logística para que tudo corra da melhor forma. A malta, vinda dos mais variados locais, junta-se pelas 08h00 na Avenida da Carvalha, na Sertã, para este "terrível" dia de btt, companheirismo e divertimento. Já com saída tardia, a partida para os trilhos deu-se já depois das 09h00. Malta animada e comunicativa, esqueceu por completo a parte competitiva do btt e utilizou a bike como meio de transporte para a Aldeia do Vale do Souto, onde um belo manjar de porco no espeto nos esperava e a animação era garantida, ou não fosse este um grupo animado. Após cerca de 25 kms, dáva-mos entrada no recinto onde corria a festa e as "mines" logo começaram…