Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de 2018

"Volta vadia de mota até Albuquerque".

"Amigo, oculta a tua vida e espalha o teu espírito". (Vitor Hugo) Hoje, apeteceu-me vadiar de mota. levantei-me pelas 07h00, vesti o fatinho de mototurista e tomei a primeira refeição do dia. Olhei pela janela e um bonito dia bem solarengo tinha acabado de nascer e, para mim, um minuto a mais na cama que o necessário, é um minuto de vida que se perde e é lá mais para o ocaso da vida que nos arrependemos de tantos e tantos minutos que desperdiçamos, sem qualquer utilidade que não alimentar a preguiça. Saí de casa pelas 08h00 e rumei a Vila Velha de Rodão, subi a serra e desci ao Pé da Serra, com intenção de fazer uma breve visita às duas barragens antes de Nisa, a do Monte da Adelina e a de Póvoa e Meadas. Segui depois para Castelo de Vide, onde parei na Pastelaria Sol Nascente para o cafezinho matinal e pastelinho da praxe. Com a mota bem estacionada, peguei na digital e fui dar uma volta pela vila e visitar o seu bonito castelo medieval do século XIII. O caráter romântico …

"Escapadinha de Mota a Ciudad Rodrigo"

"Esta é a grande verdade. A vida começa quando a gente compreende que ela não dura muito" (Millôr Fernandes) Com a perspetiva dum dia soleado e de temperatura amena, tirei a mota da garagem e fui dar uma escapadinha a Ciudad Rodrigo, uma pequena cidade com uma grande história, que surpreende pela beleza e imponência das suas construções. Abandonei a cidade já perto das 09h00 e passei a fronteira em Valverde del Fresno em direção a Hoyos, onde virei à esquerda e subi o Puerto de Perales, parando no seu único miradouro, junto à fonte para apreciar a magnitude daquelas amplas paisagens a perder de vista. Segui depois para Villasrubias, Robleda e fiz nova paragem no Embalse de Irueña, uma bonita bacia hidrográfica alimentada pelo Rio Águeda. dali segui direto para Ciudade Rodrigo e apos a passagem pela velha ponte romana sobre o Rio Águeda com uma bela panorâmica sobre o "Castillo de Enrique II de Trastâmara, entrei na cidade pela "Puerta de Santiago. Estacionei a mot…

"Volta Vadia pelo P.N.S.A.C."

"Uma vida não basta ser vivida. Ela precisa ser sonhada." (Mário Quintana)
Na passada terça feira foi dia de volta vadia com a minha "ézinha" e com a sempre agradável companhia do amigo Jorge Varetas.
Desta vez escolhemos o belo Parque Natural da Serra D'Aire e Candeeiros para um bom par de pedaladas lúdicas e descontraídas, pelas interessantes estradinhas panorâmicas, muitas delas ladeadas por muros de pedras, vulgarmente conhecidos como "chousos" e os menos conhecidos "maroiços", pequenas construções de pedra vulcânica, com a curiosa caraterística de estarem orientadas na direção do sol e dispostas em escadas.
Abandonamos a cidade pelas 06h00 rumo a Zambujal de Alcaria, onde demos início a este bonito passeio junto ao "Café da Bica" e onde começa o conhecido percurso pedestre da Fórnea e Nascente do Rio Lena.
Subimos suavemente até ao Livramento, o sítio da afamada "Tasquinha da Dª. Maria", onde se come soberbamente e …