quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

"Uma manhã quebra gelo"

Tinha combinado com o Carlos Sales e o Marco irmos hoje dar umas pedaladas descontraídas e pouco agrestes.
Desta vez fui ter com o Carlos e com o Marco à Carapalha e daí, tivemos que regressar à minha garagem para trocar de bike.
A cassete embirrou que não queria andar com uma corrente nova e eu castiguei-a. Ficou na garagem e troquei-a pela irmã FS.
Acabámos por saír da cidade pelas 09h15 e fomos então dar a nossa voltinha de hoje.
Estava um frio de rachar, na ordem do grau negativo. As pontas dos dedos, dos pés e das mãos, mal se sentiam.
Rumámos a Alcains, com passagem na Atacanha.
Os caminhos, algo enlameados, eram autênticas placas de gelo.
Cruzámos o Rio Ocreza nas passadouras da Rabaça e rápidamente chegámos a Caféde, onde a D. Júlia tinha a lareira acesa e, mal entrámos no café, foi uma corridinha para o quentinho.
Desta vez, trocámos a matinal dose de cafeína, por um chá quentinho. E que bem soube!!!
Custou a arrancar, mas lá teve que ser. Pedalámos um pouco por asfalto, até ao sítio da Ponte Pedrinha e virámos à esquerda para a Quinta da Pacheca, continuando até á Póvoa de Rio de Moinhos.
Virámos então o azimute à zona da Mingrocha e Tagarral e depois da Tapada da Queijeira, entrámos em Tinalhas.
Desta vez, percorremos um pouco algumas das bonitas ruas da povoação seguindo depois em direcção à Quinta de S. José e Capela de Santa Isabel.
Era ainda minha intenção, descer até ao Vale de Prande, mas derivado à hora, tivemos que regressar, pois o Marco tinha que estar na cidade pelas 13h.
Virámos então à esquerda, para os lados da Quinta do Freixial e Nabo Redondo, onde tirámos uma foto de grupo.
Ziguezagueámos um pouco na zona, pelo Vale do Nuno e Quinta de Valverde, até chegarmos de novo ao asfalto, que seguimos até à Tapada das Figueiras.
O frio foi-se dissipando com o acumular das horas e os kms ficaram-se pelos 53. Bem pedalados e em amena cavaqueira, onde o passatempo de hoje, foi um constante quebrar de gelo durante todo o percurso.
.
Fiquem bem
Vêmo-nos nos trilhos
. . .ou fora deles.
AC

Sem comentários: