sexta-feira, 11 de maio de 2012

"Fundão"

Hoje, fui às compras ao Fundão.
Precisava de adquirir um artigo que não encontrei em Castelo Branco, ou pelo menos que me agradasse, e resolvi ir à Loja Tribike, no Fundão, aproveitando também para fazer uma visitinha ao amigo Catarino.
Saí da cidade com os ponteiros do relógio já quase a alcançarem as 09h, vestidinho à verão . . . que boa sensação . . . e rumei à Lardosa, com passagem pelos Escalos de Baixo e de Cima, pretendendo assim evitar um pouco do trânsito agora despejado na N.18, que continuam a acelerar nesta estrada, como se na A23 circulassem.
Na Lardosa, entrei então na N.18 e passando Alpedrinha, subi ao alto da Gardunha, para descer seguidamente ao Fundão, onde efetuei a primeira paragem numa pastelaria logo à entrada, onde repus o nivel cafeínico.
Segui depois para a Loja Tribike, onde me entretive algum tempo à conversa e adquirindo o artigo que ali fora buscar.
A manhã já ia alongada e ainda assim, resolvi regressar por S. Vicente da Beira, passando pelo Souto da Casa e no Vale Palaio, virei à esquerda em direção a S. Vivente.
Efetuei nova paragem na fresca fonte do Vale de Urso, onde me demorei algum tempo repondo calmamente os niveis calóricos.
Atestei o bidon e fiz-me de novo à estrada, passando ao alto da Paradanta, onde mais uma vez dei uma mirada naquela peculiar aldeia, toda esticadinha pela barreira abaixo. Um bonito detalhe!!!
Seguiu-se o Casal da Fraga e S. Vicente da Beira, onde desta vez não parei e continuei agora com a estrada a convidar ao aumento da rotação, logo mais velocidade.
Em Tinalhas segui para a Póvoa de Rio de Moinhos, onde segui pela bonita e estreita estradinha panorâmica até Caféde, chegando à cidade com 108 kms pedalados de forma descontraída e comtemplativa, com os campos agora vestidos de outras cores e com outros cheiros, a despertarem mais a minha atenção.

Fiquem bem.
Vêmo-nos nos trilhos,
ou fora deles.
AC

Sem comentários: