terça-feira, 26 de janeiro de 2016

"Sarzedas, Pousafoles, Barbaído e Escalos"

Com a cidade rodeada de nevoeiro, resolvi ir dar a minha voltinha asfáltica.
sai da cidade pelas 09h20 rumo ao Cabeço do Infante, onde tomei o cafezinho da manhã, no Café Silva.
À passagem pelo Ribeiro da Seta, o nevoeiro intensificou-se e acompanhou-me na passagem pela Taberna Seca, na descida e subida do Rio Ocreza. 
Já com o cafézinho tomado, segui para as Sarzedas e virei à direita para a Aldeia de Gatas, um passagem sempre bonita ladeando a Ribeira da Azenha.
Na chegada à Azenha de Cima, fleti à direita e com passagem pelo Vale Maria Dona, Pousafoles e Grade, entronquei na N.112 que segui pela Esteveira, descendo depois á ponte sobre a Ribeira do Tripeiro, para um pouco mais á frente virar à esquerda para o Barbaído.
O nevoeiro voltou a aparecer e até ao Freixial do Campo, a manhã voltou a tornar-se cinzenta e húmida.
Com a estrada sempre molhada e algo escorregadia, segui para Tinalhas e depois de cruzar a aldeia desci à Póvoa de Rio de Moinhos em direção a Alcains.
Passei pelo interior da vila e segui para os Escalos de Cima e seguidamente Escalos de Baixo, antes de entrar na cidade pelas 12h00, após 82 kms pedalados numa manhã bem cinzenta e húmida, apenas com uma ou outra espreitadela do sol, vencido pelas várias bolas de nevoeiro que acabei por cruzar.
Fiquem bem.
Vêmo-nos nos trilhos, ou fora deles.
AC

Sem comentários: