Avançar para o conteúdo principal

"5º. Aniversário do Grupo SelindaBtt # Sertã"

Perfil altimétrico
Percurso no google

Este post sai um pouco atrazado no tempo, mas o facto é que esta semana tenho andado um pouco adoentado e um pouco desmotivado, sem grande vontade de me chegar ao computador.
Mas como diz o velho ditado, "mais vale tarde que nunca".
No passado domingo, na companhia do amigo João Valente, desta vez em representação do grupo "BTTHAL", deslocámo-nos à Sertã convidados para mais um aniversário do grupo "SelindaBtt".
Foi o seu 5º. aniversário e que contou à partida com cerca de 50 convidados, entre representantes de grupos, lojas, importadores e patrocinadores, entre outras entidades ligadas às duas rodas.
Formou-se assim um grupo bastante homogénio no que respeita à camaradagem e boa disposição e onde a performace desportiva era um facto secundário.
Fomos dos primeiros a chegar à Praça da Carvalha, local da concentração e logo de seguida fomos tomar a bica ao bar com o mesmo nome.
O pessoal foi chegando e quando já todos os convidados estavam presentes e prontos para o "embate", deu-se a partida, com aquele colorido pelotão de betêtistas a rumarem aos trilhos da região, bem alegres e bem dispostos.
Percorremos cabeços e vales num constante sobe e desce em zonas de predominante pinhal com belas passagens e maravilhosos "single tracks" a serpentear a ribeira, do melhor onde já tive oportunidade de pedalar. (A juntar à Rota dos 5 Castelos em Sortelha no sábado, foi um fim de semana em cheio)
Durante o percurso houve uma diversidade de paragens para reagrupamento, para provar a "pinguinha", assaltar uma ou outra laranjeira e ainda para atacar um belo repasto camuflado de "reforço" com vários tipos de enchido, nomeadamente, chouriço de carne, chouriço mouro, morcela, farinheira e ainda fiambre e chourição entre outros, regados com a bela pinga regional e outras bebidas à descrição.
A partir daí a porca começou a torcer o rabo, ou melhor, o corpo todo para uns quantos, cujo "arcaboiço" ainda não está bem preparado para aguentar estas bebidas "hipotónicas" regionais, "tintos e seus derivados" tornando-os ainda mais sedentos e atrevidos a quem os trilhos passaram a ser cada vez mais estreitos e menos lineares.
Conclusão: Alguns engarrafamentos, com especial predominância nos singles... Divertimento a rodos!!!
Com todas estas paragens e peripécias, chegámos à Sertã já próximo das 15h.
Seguiu-se a peregrinação aos balneários da Escola Secundária, para o merecido banho com água bem quentinha.
Finalmente o manjar, após 40 kms de pedaladas bem divertidas em companhia de malta também toda ela divertida e onde prevaleceu em todo o tempo o verdadeiro espírito betêtista, que teve lugar no já conhecido Restaurante Ponte Velha, onde fomos presenteados com uma bela sopa alentejana secundada por um gostoso pernil assado acompanhado pelos belos elixires de Baco, em versão tinto ou branco e outras bebidas à descrição.
No final partiu-se o bolo e cantaram-se os parabéns ao grupo aniversariante.
Foi um dia em cheio, bem animado e repleto de adrenalina, alguma artificial (tintol e seus derivados), onde se reencontraram velhos amigos do pedal e se criaram novas amizades e conhecimentos.
Os meus sinceros parabéns a este simpático grupo de Btt, que muito já fez em prol do Btt e de quem muito ainda se espera!!!
Até breve,

Fiquem bem
Vêmo-nos nos trilhos
AC
Album Fotográfico
(Clique para ver)
Selindabtt

Comentários

Anónimo disse…
Um sincero obrigado!
Foi um dia bem passado junto das nossas bikes!

João Valente

Mensagens populares deste blogue

"Rota do Bucho/2016"

Pelo segundo ano consecutivo, resolvi editar a Rota do Bucho, com um passeio pelos trilhos de Malpica do Tejo, uma bonita aldeia onde tenho raízes, que termina à mesa com um belo bucho de ossos à boa moda malpiqueira. Convidei um "magote" de amigos, dos quais dezasseis disseram presente. O ponto de reunião, foi desta vez na Pastelaria Cantinho dos Sabores, na Rotunda da Racha, onde tomamos o cafézinho matinal. Pelas 08h20 partimos em pelotão auto rumo a Malpica do Tejo, onde o Rui e a Sandra Tapadas já nos aguardavam. A previsão era de vento forte e alguns aguaceiros e desta vez o S. Pedro não nos "despontou", mandou mesmo umas belas rajadas de vento e umas belas bátegas de água, que nos atingiram por três vezes, um pouco no início desta pequena aventura, sensivelmente a meio, quando estávamos à vista de um local de abrigo, a aldeia de Lentiscais e no final, em jeito de banho. Pelas 09h00, como planeado, abandonávamos a aldeia rumo ao Monte do Couto do Alberto, en…

"Hoje fomos à romaria"

A manhã acordou hoje límpida e solarenga, num bom incentivo para um bom par de pedaladas asfálticas. Quando saí da garagem já o Álvaro e o Leandro me esperavam. Juntos fomos até à Rotunda das Violetas, ao encontro do Luís Lourenço e do Nuno Eusébio. Pouco depois chegou o Jorge Palma. Para não perder a prática tive ainda que mudar a câmara de ar da minha roda traseira que vinha com um pequeno furo, originado por uma limalha. Já com a "ézinha" pronta a rodar, fizemo-nos à estrada, abandonando a cidade pela Milhã, rumo ao Juncal do Campo pela estradinha panorâmica da Quinta de Valverde. Cruzamos a aldeia e entroncamos na N.12, onde fletimos à direita, rumo ao Padrão, uma pequena aldeia que este fim de semana se encontra engalanada para a festa da Nossa Senhora da Saúde. Entramos na aldeia e fomos tomar o cafezinho matinal no bar junto ao adro da igreja, gentilmente servido por um senhor, creio que festeiro, que fez questão de oferecer os cafezinhos e que agradecemos. Descemos …

Alvaiade, Perdigão e Vila Velha de Rodão"

Hoje, com um pelotão mais numeroso, fomos tomar o cafézinho matinal à Bolaria Rodense, em Vila Velha de Rodão. Abandonamos a cidade pouco depois das 08h30 e rumamos ao Perdigão, com passagem por Sarnadas de Rodão e Alvaiade. Seguimos depois pela estradinha panorâmica que liga o Perdigão a Vila Velha de Rodão, usufruindo da bonitas paisagens sobre a Serra das Talhadas e Vilas Ruivas. Depois da pequena tertúlia na Bolaria Rodense e já com os níveis repostos, rumamos à cidade, com passagem pelo Coxerro e Sarnadas. Aqui voltamos a encontrar o Joaquim Cabarrão e o Salvado, que deram uma volta mais pequena e juntos seguimos até à entrada da cidade, onde nos voltamos a separar, pois o restante grupo foi pela variante à Carapalha. Numa manhã já bem primaveril, alinharam para esta bonita volta, além de mim, o Jorge Palma, Tó Pinto, Fernando "Caraíbas", Sr. Silva, António Leandro e o João Salavessa.  Foram 75 kms, repletos de divertidas pedaladas, na companhia deste animado grupo de …