domingo, 10 de agosto de 2008

"Matar o Vício"

Hoje foi mesmo uma voltinha para matar o vício!

Acompanharam-me o Álvaro, o Nuno Maia e o João Afonso numa voltinha domingueira em "passo lento", pois o calor não convida a grandes andamentos.
Como não havia ideias, mais uma vez fui eu a decidir o itinerário.
Para evitar grandes altimetrias e não repetir a planura da Lardosa, rumámos ás Benquerenças Velhas, local que gosto imenso de visitar pela sua mística.
Continuámos até à Represa, onde parámos no "Ramalhete" para o cafézinho matinal.
Continuando o nosso passeio, cruzámos os Amarelos e contornando a estação da CP, agora REFER, entrámos em Sarnadas de Rodão, onde desta vez não parámos, mesmo sabendo que ali há um cantinho onde se pode degustar umas deliciosas rodelinhas de beringela frita.
Mas também era cedo para tal!!!
Descemos para a N.18, que cruzámos e entrámos na encruzilhada de caminhos com o azimute apontado aos Cebolais de Baixo para arrefecer o corpinho com uma bebida fresquinha, que o calor já apertava.
Regressámos então à cidade pela Sra da Guia, para mais um pequeno arrefecimento na fonte junto à igreja e entrando nas ruelas do Retaxo seguimos em direcção às Olelas, por uns trilhos onde gosto de pedalar.
Para variar, subimos ao ponto mais alto, o Complexo Turístico das Olelas, para nos deliciarmos com a descida pelo lado do campo de tiro até à ponte sobre a via férrea.
Depois foi acompanhar a linha práticamente até à cidade, onde chegámos pouco depois das 12h.
Pensámos inicialmente parar no Bar da Associação da Boa Esperança, paragem esta já habitual, para a bjecazinha da despedida, mas o João Afonso, fez questão que hoje não fosse ali e que o acompanhássemos. Assim foi!!!
Acabámos nas instalações da IPERDEL a beber uma "sagrespan" bem fresquinha, acompanhada duns tremoços e dumas rodelas de chouriço bem saboroso e com um pãozinho caseiro a acompanhar, pondo ponto final neste belo passeio de Btt.
Cheguei a casa com 54 kms percorridos em excelente companhia e pronto para o banhinho que a "canícula" ainda estava em fase crescente.

Fiquem bem
Vêmo-nos nos trilhos
AC

1 comentário:

Anónimo disse...

Pois é....matar o vicio já não sei o que é isso mas brevemente poderei juntar ao amigo Cabaço e companheiros das duas rodas para mais uma aventura do meu e único vício Um Grande Abraço Sales