Avançar para o conteúdo principal

"Inauguração da Sede da ACCB"

#2º. Raid AC-Trilhos e Aventuras#
"Uma visita à Gardunha"
(08 Julho - 08h)
.o0o.
Pensamento:
"Todos tentam realizar algo grandioso, sem reparar que a vida se compõe de coisas pequenas"
(Frank Clark)

percurso no google

altimetria

.o0o.
Hoje, pouco depois das 07h, espreitei pela janela e chovia copiosamente.
Por isso, pensei que ninguém apareceria para andar de bicla.
Puro engano!!!
Pelas 08h10 toca o tlm. Era o Jorge Palma a perguntar se eu ia pedalar. Claro que ía, só precisava de um incentivo.
O Jorge Palma e o Marcelo já se encontravam no P. Infantil da P. Marques. Equipei-me rápidamente e lá fui eu ter com eles.
Como o tempo estava um pouco instável, resolvemos ir juntar-nos à malta do passeio da ACCB e lá fomos em direcção à nova sede sita nas piscinas antigas no Castelo.
Quando ali cheguei deparei com muita malta conhecida. Cumprimentos da praxe, mas pessoal para pedalar num evento destes era escasso, mesmo sendo o almoço "à borliú".
Havia dois percursos, um de btt e outro para as asfálticas.
Ninguém sabia para onde ía nem quantos kms iria efectuar, o que interessava era estar de regresso pelas 11h30/12h para a inauguração.
Bem, lá partimos todos em conjunto até à rotunda da Granja, onde a malta do btt virou à esquerda em direcção à barragem da Talagueira, pois tinhamos combinado entre nós ir-mos até às Benquerenças, circundarmos a aldeia e regressarmos pelo outro lado da via férrea.
E assim foi!!!
Onze betêtistas com vontade de sujar o "fatinho", pois charquinhas de água e lama não faltaram em todo o percurso, pedalaram em amena cavaqueira até às Benquerenças, onde parámos no Café Antão para tomar o cafézinho, mas só três aderiram a este ritual, não conseguindo resistir àquele irresistível aroma. Os restantes ficaram lá fora na conversa.
Montámos de novo nas biclas e rumámos a Castelo Branco, onde chegámos pelas 11h20, com 32 kms percorridos, isto na parte que me toca.
À chegada à zona de Montalvão a malta começou a dispersar, cada um para suas casas, para tomarem o respectivo banho e apresentarem-se posteriormente com apetite suficiente para atacar o "bácoro" que, em movimentos cíclicos, rodava no especto aguardando a nossa chegada.
Pelas 12h30 lá estava eu acompanhado do Nuno Maia, que me deu boleia, a entrar nas instalações onde havia mesas colocadas estratégicamente, bem recheadas de comida e bebida à descrição.
Posicionei-me junto à máquina de tirar cerveja, onde já outros companheiros "habitués" nestas lides de "emborcar" umas bjecas sem gargalo se encontravam em posição.
Por alí me mantive, não tivesse eu ao meu lado o Luís Bolhas, o melhor tirador de cerveja da actualidade, com qualquer das mãos.
Entretanto o "bacorinho" começou a fase de adelgaçamento e as travessas começaram a circular, mas por pouco tempo, pois o pessoal já não tem paciência para tanta espera e adoptou a táctica do "formigueiro" em direcção ao dito cujo e por vezes com esperas enervantes para conseguir que a desejada lasca pousasse na fatia de pão, estratégicamente colocada numa das mãos .
O pessoal comeu e bebeu quanto quiz e creio que toda a malta ficou satisfeita, quer pelo manjar, quer pela camaradagem emanada da malta que por ali se juntou.
Foi um dia bem passado.
O Sr Presidente da Câmara Municipal cá do nosso Burgo, fez o discurso alusivo ao evento, notando-se nas suas palavras vontade de colaborar com as associações da cidade, assim como os representantes das três associações cujas sedes foram hoje inauguradas.
Pessoalmente desejo às três associações que tudo corra pelo melhor e que o dia de hoje, seja o primeiro de muitos em prol do associativismo e do desporto em geral.





Terça feira, dia 19, há pedalada.
Quem quiser pedalar connosco, compareça pelas 08h no P. Infantil da P. Marques.
Até lá
AC

Comentários

Mensagens populares deste blogue

"Passeio de Mota pela Galiza"

Mesmo com a meteorologia a contrariar aquilo que poderia ser uma bela viagem à sempre verdejante Galiza, 9 amigos com o gosto lúdico de andar de mota não se demoveram e avançaram para esta bonita aventura por terras "galegas"
Com o ponto de inicio no "escritório" do João Nuno para a dose cafeínica da manhã marcada para as 6 horas da manhã, a malta lá foi chegando.
Depois dos cumprimentos da praxe e do cafezinho tomado foi hora de partir rumo a Vila Nova de Cerveira, o final deste primeiro dia de aventura.
O dia prometia aguentar-se sem chuva e a Guarda foi a primeira cidade que nos viu passar. Sempre em andamento moderado, a nossa pequena caravana lá ia devorando kms por bonitas estradas, algumas com bonitas panorâmicas.
Cruzamos imensas aldeias, vilas e cidades, destacando Trancoso, Moimenta da Beira, Armamar, Peso da Régua, Santa Marta de Penaguião, Parada de Cunhos, Mondim Basto e cabeceiras de Basto, onde paramos para almoçar uma bela "posta", que es…

"Passeio de mota pelo Geopark Las Villuercas e Guadalupe"

"Feliz do homem que possui uma moto, ele pode viajar, ver paisagens e entender-se a si próprio." (Eric Viking) Hoje foi dia de dar liberdade à mota. Na companhia dum casal amigo, o José Paulo e a Carla, fomos passear de mota pelas Dehezas Extremeñas, Geopark de las Villuercas e uma pequena visita a Guadalupe, um dos mais bonitos "pueblos" de Espanha. marcamos encontro na Pastelaria "A Ministra", numa das rotundas do Bairro da Carapalha e pouco depois das 08h30, já com a matinal dose de cafeína ingerida, fizemo-nos à estrada. Rumamos a Segura, onde entramos na "tierra de nuestros hermanos" seguindo depois até á Ponte Romana de Alcântara, onde efetuamos uma pequena paragem para apreciar aquela fantástica obra de engenharia romana que maravilhou o mundo antigo. Com uma história que se perde no tempo, esta ponte carrega peripécias e curiosidades. Não entramos na povoação e por uma estradinha "vecinal" seguimos para Mata de Alcântara e Gar…

"Volta vadia a ver o mar"

"A felicidade é um fim de tarde olhando o mar" (Marina Nader)
 . . .e foi esse o objetivo deste meu passeio de bicicleta, que gosto de chamar de "volta vadia". Ir ver o mar na Figueira da Foz.
Delineei o percurso, circular como sempre, juntei um grupo de amigos, também eles fãs deste tipo de passeios velocipédicos e fizémo-nos à estrada.
Saímos de Castelo Branco pelas 06h00 e fomos tomar o primeiro cafezinho da manhã à Pastelaria "Estrela Doce", na Sertã, onde o meu irmão Luís nos esperava.
Depois da dose cafeínica e do pastelinho de nata, seguimos para Condeixa a Nova, o local de partida e chegada desta nossa pequena aventura, estacionando as viaturas no parque auto do Lidl.
Cerca das 08h30, já pedalávamos em direção a Ega, a primeira povoação que passaríamos rumo à Figueira da Foz.
O dia estava ótimo para pedalar e o pouco vento que se fazia sentir era nosso aliado.
Sempre em ritmo animado e em alegre cavaqueira, como é habito, quando algumas "per…