sábado, 22 de fevereiro de 2014

"Voltinha rolante"

Hoje, foi dia de voltinha asfáltica.
Pouco antes das 08h, peguei na minha "ézinha", juntei-me ao Leandro, Álvaro e João Afonso, que me aguardavam á porta da garagem, e fomos ter com o resto da rapaziada à rotunda da Racha.
Apareceram ainda o Jorge Palma, Nuno Maia, Vasco Soares, Luís Lourenço e Nuno Eusébio.
Abandonámos a cidade em direção a Cafede, com a manhã bastante cinzenta e a ameaçar chuva.
À saída de Cafede, virámos à esquerda para a estradinha panorâmica para a Póvoa de Rio de Moinhos, continuando para a Barragem da Marateca, sempre linda, quer faça sol, quer faça chuva.
E, foi mesmo com chuvisco que por lá passámos.
Contornámos a rotunda da Lardosa, onde nos cruzámos com a malta da Covilhã, liderada pelo amigo Cavaca e seguimos para o Louriçal, onde não entrámos, virando o azimute à Soalheira, com paragem quase obrigatória nas bombas locais, para o cafezinho da manhã.
Aquela chuvinha, tipo "molha parvos", mantinha-se e a malta já estava a pensar que a iria gramar até ao final.
Depois do cafezinho tomado, tomámos o rumo às Atalaias, continuando pelas Zebras, Vale da Torre e Lardosa, já com o chuvisco a abandonar-nos e o sol a querer romper.
Passámos ainda por Escalos de Baixo e Escalos de Cima, para na reta do Lanço Grande, virarmos à esquerda, para a nossa estreia da nova estradinha e antigo estradão, que contorna a nova pista de aviação e vai entroncar na que vem da Fonte Santa.
À entrada da cidade, resolvemos ir fazer uma visitinha ao Fidalgo, pois estávamos perto.
Humm, mas alguém o deve ter avisado e ele deu à sola. Não estava em casa. Que ausência conveniente . . . éramos nove. eh eh eh!!!
Chegámos à cidade ainda antes das 12h30 com 83 kms pedalados num belo "grupeto" de malta amiga, onde a diversão e o companheirismo, são a "atração principal" nestas voltas.
 
Fiquem bem.
Vêmo-nos nos trilhos, ou fora deles.
AC

Sem comentários: