Avançar para o conteúdo principal

"Preparativo do Raid às Termas de Monfortinho"

Numa brilhante ideia do amigo Abílio Fidalgo vai realizar-se no próximo dia 22 de Junho um Raid em Btt com ligação entre a cidade de Castelo Branco e as Piscinas das Termas de Monfortinho.
A ideia é envolver as respectivas famílias, que partirão para as Piscinas durante a manhã e após a nossa chegada, partilharão connosco um belo repasto (almoço) e um fantástico dia nas referidas piscinas.
Estejam atentos à vossa Caixa de Correio (Mail).
Mas, para que a ligação às Termas de Monfortinho fosse viável, era necessário efectuar o levantamento dos trilhos a percorrer e foi isso que eu o Fidalgo e o Rui fizemos no passado Sábado.
Saímos de Castelo Branco pelas 07h15 em direcção à Mata e descemos para a Nogueira, onde cruzámos a Ribeira de Alpreade ainda com bastante caudal e que serviu para lavar as meias e os sapatinhos.
Entrámos então no Monte do Bicho de Ferro que atravessámos até ao estradão que vem de Oledo e segue até Idanha-a-Nova, onde parámos para tomar o pequeno almoço no "Carlos", já com 34 kms percorrridos.
Dalí rumámos à Barragem Marechal Carmona, descendo pela Calçada Romana, situação que vai ser alterada, para anular umas pequenas subidas e a perigosidade da descida da referida calçada, que molhada como estava, quando alí passámos, tornou-se um pouco perigosa com a falta de aderência da bike.
Chegados ao paredão da barragem fomos brindados com a espectacularidade da paisagem que dali se podia apreciar, em tons cinzentos, tal como o dia. Era simplesmente deslumbrante!!!
Junto ao descarregador inventámos um single track a contornar a água, bastante divertido e continuámos em direcção a Alcafozes, onde a dificuldade se traduziu apenas numa suave subida até à parede onde a organização da Maratona Internacional de Idanha montou uma passagem para a transpor.
Depois foi rolar até Alcafozes, com chegada à povoação através dum bonito single track e com nova paragem no "Café Texas" para a dose de "Sagrespan".
Dalí seguimos para Toulões, não sem primeiro tirarmos a foto de grupo junto ao Avião que homenageia os aviadores, junto ao recinto da Senhora do Loreto e após consulta das cartas militares pelo Fidalgo e pelo Rui, aí vamos nós na "mecha" estradões abaixo, até um bonito olival que contornámos entre erva alta e florida, dando uma imagem espectacular, até encontrarmos o portal que cruzava um pequeno ribeiro.
Até Toulões foi um saltinho, pedalando alegremente em bonitos trilhos e entrando na povoação pela zona norte, com uma vista fabulosa antes da descida final.
Nova paragem para mais uma dose de "Sagrespan", pois a quilometragem assim o obrigava e isto é rapaziada que não aguenta muitos kms sem " o produto oleante de articulações".
Já refeitos das mazelas e com o estômago aconchegado, partimos em direcção à Torre por trilhos variados e de imensa beleza quase sempre bordejando e atravessando pequenos cursos de água até que do alto se avistou a pequena aldeia.
Não parámos na Torre e continuámos até às Piscinas das Termas de Monfortinho, pois já faltava apenas cerca de uma dezena de kms.
Até lá foi um instante e após entramos na zona das Piscinas, triunfantes, contornámos ainda a barragem num trilho circular, bastante engraçado, onde finalizámos com mais uma "Sagrespan" em jeito de prémio, para culminar a nossa aventura.
Depois dum retemperador banhinho de água quente, seguiu-se um belo almoço servido em "buffet" e que nos pôs de novo a brilhar.
O regresso à cidade foi feito de carro e com a alegria de mais uma aventura, que apenas serve de introdução à verdadeira, que se iniciará no dia 22 do corrente mês, na companhia de todos aqueles que que queiram participar neste evento.
O Fidalgo irá mandar mail à malta com alguns pormenores e a "ementa" do almoço.
São cerca de 75 kms de prazer, a pedalar por belas e imensas paisagens e diversificados trilhos, na companhia de amigos e com rumo a um belo repasto, agora acompanhados pelas nossas famílias e amigos.
Pedalem de forma diferente. Esqueçam os kms e pensem na amizade e em toda a envolvente de que vamos ter o prazer de desfrutar.
Atrevam-se!!!
Quem quiser alinhar nesta iniciativa pode contactar o mail abilio.fidalgo@gmail.com, ou deixar um comentário neste post.

Fiquem bem
Vêmo-nos nos trilhos
Até lá
AC
Clique para ver mais fotos
C.Branco # T. Monfortinho

Comentários

LR disse…
Óptima ideia para raid. As fotos são o melhor testemunho.
LR
BikesTrilhoseTralhos
Boas,

podem contar comigo para o Raid! Dia 22 lá estaremos para a dose de "Sagrespan"... eh eh eh!

Apesar que certezas... só mais lá perto da data!

Parabéns pelo reconhecimento!

(Carlos Pio)

Mensagens populares deste blogue

"Passeio de Mota pela Galiza"

Mesmo com a meteorologia a contrariar aquilo que poderia ser uma bela viagem à sempre verdejante Galiza, 9 amigos com o gosto lúdico de andar de mota não se demoveram e avançaram para esta bonita aventura por terras "galegas"
Com o ponto de inicio no "escritório" do João Nuno para a dose cafeínica da manhã marcada para as 6 horas da manhã, a malta lá foi chegando.
Depois dos cumprimentos da praxe e do cafezinho tomado foi hora de partir rumo a Vila Nova de Cerveira, o final deste primeiro dia de aventura.
O dia prometia aguentar-se sem chuva e a Guarda foi a primeira cidade que nos viu passar. Sempre em andamento moderado, a nossa pequena caravana lá ia devorando kms por bonitas estradas, algumas com bonitas panorâmicas.
Cruzamos imensas aldeias, vilas e cidades, destacando Trancoso, Moimenta da Beira, Armamar, Peso da Régua, Santa Marta de Penaguião, Parada de Cunhos, Mondim Basto e cabeceiras de Basto, onde paramos para almoçar uma bela "posta", que es…

"Passeio de mota pelo Geopark Las Villuercas e Guadalupe"

"Feliz do homem que possui uma moto, ele pode viajar, ver paisagens e entender-se a si próprio." (Eric Viking) Hoje foi dia de dar liberdade à mota. Na companhia dum casal amigo, o José Paulo e a Carla, fomos passear de mota pelas Dehezas Extremeñas, Geopark de las Villuercas e uma pequena visita a Guadalupe, um dos mais bonitos "pueblos" de Espanha. marcamos encontro na Pastelaria "A Ministra", numa das rotundas do Bairro da Carapalha e pouco depois das 08h30, já com a matinal dose de cafeína ingerida, fizemo-nos à estrada. Rumamos a Segura, onde entramos na "tierra de nuestros hermanos" seguindo depois até á Ponte Romana de Alcântara, onde efetuamos uma pequena paragem para apreciar aquela fantástica obra de engenharia romana que maravilhou o mundo antigo. Com uma história que se perde no tempo, esta ponte carrega peripécias e curiosidades. Não entramos na povoação e por uma estradinha "vecinal" seguimos para Mata de Alcântara e Gar…

"Volta vadia a ver o mar"

"A felicidade é um fim de tarde olhando o mar" (Marina Nader)
 . . .e foi esse o objetivo deste meu passeio de bicicleta, que gosto de chamar de "volta vadia". Ir ver o mar na Figueira da Foz.
Delineei o percurso, circular como sempre, juntei um grupo de amigos, também eles fãs deste tipo de passeios velocipédicos e fizémo-nos à estrada.
Saímos de Castelo Branco pelas 06h00 e fomos tomar o primeiro cafezinho da manhã à Pastelaria "Estrela Doce", na Sertã, onde o meu irmão Luís nos esperava.
Depois da dose cafeínica e do pastelinho de nata, seguimos para Condeixa a Nova, o local de partida e chegada desta nossa pequena aventura, estacionando as viaturas no parque auto do Lidl.
Cerca das 08h30, já pedalávamos em direção a Ega, a primeira povoação que passaríamos rumo à Figueira da Foz.
O dia estava ótimo para pedalar e o pouco vento que se fazia sentir era nosso aliado.
Sempre em ritmo animado e em alegre cavaqueira, como é habito, quando algumas "per…