sábado, 14 de dezembro de 2013

"Alfrívida"

Depois do frio gélido dos últimos dias, um dia quase primaveril a puxar para uma voltinha asfáltica.
E foi o que fizemos, eu, o Álvaro Lourenço, o Nuno Eusébio e o Vasco Soares.
Abandonámos a cidade pelas 08h30 em direção à zona industrial, para entrar na N.18 junto à Rotunda dos Moveis Torres.
Já a pensar no cafezinho matinal e no pastelito de nata, virámos o azimute aos Cebolais de Cima e parámos na Pastelaria junto às bombas, onde degustámos aquela pequena e redonda iguaria e ingerimos a cafeína da praxe.
Descemos aos Cebolais de Baixo e seguimos para as Sarnadas, para entrar de novo na N.18 até à Serrasqueira, onde virámos à esquerda para os Perais, seguindo aquela estrada rodeada de bonitas paisagens, até Alfrívida.
Daqui fomos ver o Rio Ponsul, cruzando a ponte sobre o mesmo, antes da subida aos Lentiscais, onde efetuámos nova paragem no "Pescaça" para beber uma bebida e tomar a minha medicação.
Fomos depois ao encontro da N.18-8 e descemos de novo ao Rio Ponsul, agora mais a montante e subimos os Enfestos e "Col du Lello", ou Portillo del Gitano, ou "to malta breakneck speed strava", "KOM dos lelos".
Chegámos à cidade depois dum calmo passeio por estradas com pouco transito, gozando da acalmia e bonitas paisagens cá do nosso grande "quintal"
Boa companhia, conversa amena e um bom "par de pedaladas", abriram o apetite para a "Peixeirada" de amanhã, no Juncal do Campo.
Inté!
 
Fiquem bem.
Vemo-bos nos trilhos, ou fora deles.
AC

1 comentário:

JValente disse...

Col du Lello", ou Portillo del Gitano, ou "to malta breakneck speed strava", "KOM dos lelos"!

É preciso ter uma boa imaginação! Fez-me dar uma boa gargalhada! 5*

Abraço
João Valente