sábado, 4 de junho de 2011

"Manhã solarenga"

Foi de facto uma manhã solarenga.
Hoje na Rotunda do Continente juntou-se um grupo de malta à antiga. "Mais que muitos".
Nem me dei ao trabalho de os contar, pois já não tenho memória para reter tantos nomes.
Parte do grupo, os que se dizem lentos, pois eu nunca disse tal coisa, lá foram para a sua rotina e os restantes ainda por ali ficaram mais algum tempo a decidir para onde ir.
Finalmente lá abalámos, em direção ao Sobrainho da Ribeira.
Em duas centenas de metros, o grupo, já não era grupo e assim foi até final.
Uns a mostrar a sua performance atual, outros em conversa amena e outros indecisos . . . agora como é . . . vou com os de trás, com os do meio, ou com os da frente!!!
Lá nos reunímos novamente no Café do Zé, na Fonte Longa, após passagem pela Taberna Seca, Sarzedas, Sobrainho da Ribeira e Sopegal.
Depois do cafézinho, mais do mesmo. Lá nos juntámos novamente na fonte de Alvaiade, para abastecer de água e até Castelo Branco, foi um vê se te avias. Nunca mais ninguém se encontrou. Ainda houve um reencontro nas bombas das Sarnadas, mas só eu entrei para beber uma bebida fresca. Esperou-se pelos mais atrasados, para arrancar novamente, ficando a malta espalhada por kms.
Acabei por ir na onda e, mal por mal, lá fui com os "aceleradores" até Castelo Branco, onde esperei pela malta que vinha mais atrás e que chegou muito tempo depois.
Já estava para desistir, quando apareceram.
Acabei por ir com o João Afonso e com o Marco, beber a sossegazinha num Café da Qta Dr Beirão, regressando a casa, após 80 insípidos kms.
Fiquem bem.
Vêmo-nos nos trilhos
. . . ou fora deles.
AC

Sem comentários: