quinta-feira, 2 de julho de 2015

"Passeio asfáltico pela Zebreira"

Hoje, tive como companheiro de pedalada o amigo Rui Salgueiro.
Com a manhã disponível, o Rui fez-me companhia nesta voltinha por terras raianas, com saída da Rotunda da Racha pelas 07h00.
Abandonamos a cidade em direção aos Escalos de Cima e descemos a S. Gens, onde fletimos à direita em direção a Idanha a Nova, com passagem por Olêdo.
Íamos feitinhos à pastelaria do Intermarchê, mas nem nos lembramos que saímos cedo e aquele espaço só abre às 09h00, creio eu!
Sem stress! Fomos até à pastelaria situada junto à Câmara e ali tomámos o cafezinho matinal e respetivo pastelinho de nata.
Voltamos ao asfalto e descemos à Senhora da Graça, onde viramos à esquerda rumo a Alcafozes.
Não entramos na povoação e viramos o azimute à Zebreira, com passagem pela Barragem da Toulica, uma bonita bacia hidrográfica de aterro e com capacidade de regadio naquela região raiana.
Já na Zebreira, efetuamos nova paragem para nos refrescarmos com uma bebida fresca e dois dedos e conversa.
Demos continuidade ao nosso passeio descontraído rumando agora ao Ladoeiro e ponte sobre o Rio Ponsul, onde enfrentamos a última dificuldade do dia, com a subida ao alto da Monheca.
Com passagem pelos Escalos de Baixo depressa chegamos à cidade, acompanhados nos últimos kms pelos amigos António Monteiro, João Salavessa e Bernardino Caldeira, que também eles, tinha ido dar o seu passeio asfáltico.
107 kms foi a distância percorrida nesta bonita manhã de pedalada asfáltica, na agradável companhia do Rui Salgueiro, sempre em amena conversa e andamento descontraído.
Fiquem bem.
Vêmo-nos nos trilhos, ou fora deles.
AC

Sem comentários: