quinta-feira, 31 de março de 2011

"Gaviãozinho"

Hoje era dia de enfrentar a "subidinha" do Gaviãozinho, que apesar de não ser muito longa, tem umas boas dezenas de metros de bom arfar . . . 13 a 15%,

Saímos da cidade pelas 08h e, pela variante da Carapalha, rumámos a Vila Velha de Rodão, onde tomámos o cafézinho matinal, na Padaria da Zona Industrial.


A manhã estava belíssima, apenas com uma ou outra "bola" de nevoeiro" na zona de Vila Velha.

Subímos à Távila, uma subida que pessoalmente gosto de fazer, por ser de inclinação moderada e constante.


Passámos sob a A23 e entrámos em Alvaiade, descendo seguidamente à Ponte do Rio Ocreza, onde parámos para uma foto e explicar ao meu companheiro de jornada, o Silvério, alguns dos locais, onde tenho planeado a passagem de um dos meus Raids AC.


Nova subida, agora até ao cruzamento para o Gaviãozinho, virando seguidamente à esquerda, onde após uma rápida descida, iniciámos a arfante subida ao Gaviãozinho.

Lá no alto, viragem à direita para a Fonte Longa, onde desta vez, o Café do Zé, não teve a "algazarra" da nossa presença e seguimos para Santo André da Tojeiras, agora com um ritmo um pouco mais rápido.


Depois de Santo André, passámos pelo Cabeço do Infante e parámos em S. Domingos para uma bebida fresca, que já apetece e comer algo mais sólido.

A paragem foi breve e continuámos, já em direcção à cidade, com passagem pelos Vilares, descendo de novo ao Rio Ocreza, para afrontar a também arfante subida à Taberna Seca.

Já com a cidade no nosso campo visual, chegámos pelas 11h35, com 80 kms pedalados com as nossas "anoréticas", numa bela manhã para a prática do cicloturismo.

.

Fiquem bem

Vêmo-nos nos trilhos

. . . ou fora deles.

AC

1 comentário:

Carlos Bernardo disse...

Ora viva!
gostei de ver belos trilhos para btt e bons percursos de estrada com belissimas paisagens.
eu tenho feito sempre estrada mas tenho de montar a bike de btt para desfrutar também da Natureza.
Um abraço desde o Algarve, boas pedaladas.