sábado, 9 de julho de 2011

"De volta à Serra da Estrela"

Por iniciativa do Paulo Neto e por convite do João Afonso, voltei hoje à Serra da Estrela, para umas pedaladas entre amigos, num dos melhores "palcos" para a prática desta salutar modalidade.
Aderiram também a este convívio, o Silvério, o Pedro Barroca e o Paulo Jalles, formando assim um grupo divertido e que gosta dumas boas "trepadelas"!!!
A partida foi de Manteigas, com a primeira paragem logo uns kms à frente, na Fonte Paulo Martins, para abastecer bidons com aquela pura e fresca água de montanha.
Chegámos aos Piornos e rumámos à Torre, onde parámos na esplanada do café e comemos, bebemos uma bebida fresca e conversámos um pouco.
A partir daqui, foi a adrenalina total, com a rapaziada a lutar pela "Pole Position" da próxima aventura, lançando-se por ali abaixo até Valezim, atingindo alguns, velocidades vertiginosas na descida para Valezim, onde as rampas, agora em sentido descendente são na ordem dos 14%. "Gandas Malucos"!!!
Eu optei por "frear o cavalo" e ir apreciando aquelas espetaculares paisagens sobre o Vale de Valezim e tirar um par de fotos.
Seguimos depois por Casal Novo e S. Romão, entrando seguidamente em Seia.
Cruzámos a cidade e rumámos depois a Gouveia, com pasagem por Pinhanços e Mira Serra, onde começou a longa subida às Penhas Douradas.
Kms e Kms de subida de suave pendente, mas que, com os kms já acumulados, faziam alguma "mossa" nalguns companheiros ainda com pouca rodagem neste tipo de terreno.
Das Penhas Douradas a Manteigas, foi um "vê se te avias", onde o pedaleiro quase não fez falta.
Uma ou outra paragem esporádica, para apreciar a imponente paisagem sobre Manteigas e o Vale Glaciar do Zêzere e chegámos às viaturas estacionadas no final da descida.
O Paulo Neto atrasou-se um pouco, pois ainda voltou atrás em busca dos óculos que perdera e o João Afonso, ficou com ele.
Já com as bikes arrumadas nas viaturas fomos andando até ao Vale da Amoreira, onde tinhamos préviamente combinado ir comer uns peixinhos fritos que eram uma delícia.
Já todos juntos, comemos, bebemos e confraternizámos, após mais uma bonita jornada de convívio e 111 kms de boas pedaladas pelas estradas do maciço da Serra da Estrela, com uma subida à Torre, por Manteigas e outra às Penhas Douradas, por Gouveia.
Mais um belo dia de pedaladas com a Canyon Ultimate CF SLX Team, de quem me vai custar muito separar!!! Que excelência de performance!!!
Fiquem bem.
Vêmo-nos nos trilhos
. . . ou fora deles.
AC

2 comentários:

João Afonso disse...

Só um "louco" como eu que nem sequer tem bike de estrada se monta numa e vai para a estrada fazer uma "voltinha" destas !!!
Aliás a foto ( gráfico ) de cima diz tudo " até parece um soutien !!! hehehe...
Obrigado pela companhia e camaradagem e na próxima espero fazer-lhe companhia até ao final assim não haja nenhum impedimento ! como desta vez.
1 abraÇo.

Silvério disse...

Depois do meu comentário anterior, hoje, depois deste passeio oferecido pelo amigo Paulo Neto, através do João Afonso, só posso dizer que continuei a “escrever o livro de poesia”, ou não tivéssemos passado um dia excelente a pedalar e a conviver na Serra da Estrela. Para além de tudo, este lugar para mim, tem sempre uma áurea especial, talvez pelas minhas origens serranas!
Obrigado a todos
Um abraço
Silvério