quarta-feira, 24 de agosto de 2011

"A solo no meio de nenhures"

Hoje e como tinha planeado, fui fazer o reconhecimento do segundo troço para a ida a Fátima nos dias 8 e 9 de Outubro próximo.
Já tinha efetuado o reconhecimento de Castelo Branco ao Vale da Mua, por trilhos diferentes do ano passado.

Agora fui do Vale da Mua ao Robalo, onde a malta vai beber um "caneco" e petiscar algo.
Trilhos completamente novos, a estrear para as bikes e, paisagens lindíssimas e agrestes.
A Ribeira da Pracana, vai ser nossa companheira, durante algum tempo, a Serra da Galega, vai-nos "amolgar" um pouco a "carroçaria", a Serra do Santo vai-nos fazer sombra, durante um bom par de kms em trilhos que nos vão encher o olho e a Serra do Bando, vai-nos proporcionar paisagens magníficas.
Saí da cidade pelas 07h10, pedalando e divertindo-me em plena comunhão com a natureza, durante 66 kms, por vales e cabeços, apreciando a liberdade e gozando aqueles belos trilhos e paisagens por onde passei, até à casa do meu pai, no Robalo, onde a minha "Maria" me foi buscar, após um salutar almoço em família.
No próximo reconhecimento, vou pedalar bem nas entranhas e nalguns singles, duma das mais belas aldeias de xisto do pinhal interior e, ao som e com a visão fantástica dumas magníficas cascatas de beleza inquestionável.
No último reconhecimento, assim espero e se tudo correr bem, darei uma vista de olhos ao bonito Convento de Cristo, antes da incursão à Rota dos Saurópodes, na Serra D'Aires, com os seus singles de cortar a respiração, isto se ainda houver "caneta" para controlar toda aquela adrenalina.
Não te acanhes e sobretudo, não desperdiçes uma boa aventura, seja lá por que motivo for!!!
8 e 9 de Outubro. Dois dias de divertimento e companheirismo rumo a Fátima, em autonomia!!!. Sem stress!!!

Fiquem bem.
Vêmo-nos nos trilhos
. . . ou fora deles.
AC

Sem comentários: