terça-feira, 5 de maio de 2015

"Nossa Senhora do Loreto"

"Depois de três dias de bom btt por trilhos fantásticos e companheiros do melhor, nada melhor que uma voltinha asfálticampara dar descanso à "santa".
Hoje de manhã levantei-me e fui dar uma espreitadela pela janela. Estava um pouco fresco mas não havia indícios de chuva.
Tomei calmamente o pequeno almoço, fui buscar a "ézinha" e fizemo-nos à estrada com a intenção de ir fazer uma visita à Sra do Loreto em Alcafozes.
"Consagrada padroeira universal da aviação pelo Papa Bento XV em 1920, dada a forma dinâmica da sua imagem. Conselho de forte tradição religiosa, Nossa Senhora do Loreto é venerada na povoação de Alcafozes há várias gerações, foi adotada pelas gentes da terra como sua padroeira.
O culto desta povoação da Beira Baixa pela Senhora do Loreto, é um mistério.
As gerações remontam-no às tropas napoleónicas, quando abandonaram a imagem da santa, ao fugirem do exército anglo-luso. (Wix.com)

Rumei aos Escalos de Baixo, desci a Monheca e segui para o Ladoeiro, onde parei no Café do "Ti Valente" para tomar a matinal dose de cafeína e dar dois dedos de conversa.
Depois de cruzar a povoação fui até à Sra da Graça, onde fleti à direita para Alcafozes, entrando pelo acesso à Sra do Santuário da senhora do Loreto, onde parei para comer umas bolachinhas que levava no bolso do jersey.
Depois de um par de fotos para mais tarde recordar, entrei na povoação, cruzando pelo empedrado irregular das suas ruas, até á outra entrada, junto à rotunda, que dá acesso a Medelim, para onde segui.
Desta vez não parei em Medelim e segui para a Bemposta, com paragem junto ao adro da igreja, para atestar o bidom no fontanério ali existente.
A estrada desde Medelim até ao cruzamento de Pedrogão está em mau estado, pelo que teve que ser feita nas calmas para evitar algum contratempo.
Chegado ao cruzamento de Pedrogão de São Pedro, virei à esquerda e rumei a Castelo Branco, com passagem por S. Miguel d'Acha, S. Gens e Escalos de Cima.
Foi uma voltinha asfáltica catita, que culminou com 106 kms pedalados numa manhã um pouco acinzentada e ainda fria, um pouco aquém das belas manhãs primaveris que ansionamos.
Fiquem bem.
Vêmo-nos nos trilhos, ou fora deles.
AC

Sem comentários: