sexta-feira, 21 de agosto de 2015

"Passeio de Btt pelas Sarzedas"

Hoje com a companhia do Sandro Gama fomos dar um passeio de btt pela zona das Sarzedas.
Juntámo-nos pelas 07h00 no Café "O Petisco", onde tomámos o cafezinho da manhã, antes de entrarmos nos trilhos.
Saímos da cidade pela Talagueira e seguimos pelo Baixo da Maria, Canabichosa e Quinta da Lomba em direção às Benquerenças.
Passámos pelo topo da povoação e depois de passar pelo VG do Canto Redondo descemos à Foz da Líria, onde cruzamos o leito desta Ribeira e logo depois o Rio Ocreza para subirmos à Aldeia dos Calvos.
Por caminhos de outrora e já quase desaparecidos, rumamos às Teixugueiras e Lomba Chã, para mais à frente contornarmos a pequena Aldeia de Barrocas em direção ao Casal das Águas de Verão.
Não chegamos a esta aldeia e após cruzarmos a M.546, subimos a Serra das Sarzedas até à cumeada, por onde seguimos até descer à vila, onde paramos para uma bebida fresca.
Passamos junto ao Centro de Btt, que desconheço se já está ativo, se já foi inaugurado, ou como funciona, pois desconheço qualquer informação sobre o mesmo, ou onde a posso consultar.
Descemos seguidamente às Falcoas e tomamos o rumo à Várzea do Lopes e, com passagem pelo VG das Merendas fomos até à aldeia da Serrasqueira que contornamos para a aldeia de Camões.
Subimos à cumeada da serra e após algum sobe e desce, descemos finalmente ao Chã da Vã, com a ideia de ali nos refrescarmos com uma bebida fresca, mas, como quase sempre, o único café da aldeia encontrava-se fechado.
Continuámos e após passarmos pelas passadouras da Ribeira do Tripeiro, fletimos à esquerda rumo ao Olival e Zebreira Grande.
Ladeamos o Juncal e subimos à M.550 por uma suada subida, que nos fez suar a estopinhas.
Depois de passarmos pela Fonte d Ferro e Lameira do Velho, seguimos para a Quinta de Valverde.
Aqui, o Sandro que vinha atrás de mim, não se apercebeu e seguyiu em frente num entrncamento, indo ter a Caféde.
Voltamos a reunir-nos junto ao clube de caçadores nas proximidades da ponte sobre o Rio Ocreza e juntos chegamos à cidade, com passagem pela Atacanha.
Uma bela manhã de btt, bastante calorosa, que culminou com 74 kms de agradáveis pedaladas na companhia do Sandro Gama.
Fiquem bem.
Vêmo-nos nos trilhos, ou fora deles.
AC

Sem comentários: